Probleminhas de matemática para os pequenos

Se você quer uma estratégia diferente para propor situações-problema na educação infantil vou lhe mostrar minha última criação!

Venho pensando há muito tempo sobre como eu poderia auxiliar os professores a instigarem as crianças a resolverem diferentes tipos de situações-problema de matemática na pré-escola.

É sabido que muitos contextos em sala de aula podem ser explorados na forma de probleminhas, tal como, dividir igualmente o material de contagem entre os componentes do grupo, escolher quem será o ajudante da professora no dia, registrar os pontos em um jogo, etc.

Mas fiquei pensando em fazer algo diferente, que pudesse ser bastante útil e que “economizasse” um pouco o tempo professor na organização, seleção e planejamento de diferentes tipos e situações-problema.

Daí lembrei de um livro que li faz bastante tempo e que gostei muito: Resolução de Problemas: Matemática de 0 a 6, de Kátia Smole e outras autoras.

O livro enfatiza que não precisa a criança ser leitora ou conhecer operações e sinais matemáticos para resolver problemas. Também aborda questões relacionadas ao planejamento do trabalho, como observar, interferir e avaliar. Vale muito a pena ler!


Na pré-escola é possível abordar várias situações, sejam elas multiplicativas, partitivas ou que envolvam o pensamento combinatório, por exemplo, além dos tradicionais problemas de contagem, adição e subtração.

Problemas não convencionais e simulações da realidade são outros tipos bem interessantes! As crianças podem lançar mão de diferentes estratégias de resolução como o desenho, registros pictóricos e a oralidade.

Bem, juntando as ideias do livro e de algumas pesquisas que fiz, resolvi criar situações-problema ilustradas.

Clique aqui para adquirir o material.

Fui escrevendo, procurando imagens legais e o material foi tomando corpo. O resultado? São exatamente 42 probleminhas ilustrados, cada um esboçado em uma folha A4.

Há atividades bem simples e outras mais elaboradas que as crianças poderão solucionar a partir da mediação do professor, de questionamentos, incentivos, estímulos, explicações (quando necessário) e troca de ideias.

Os problemas são bem variados! E eu acredito que as imagens poderão despertar a atenção das crianças e encorajá-las a pensar, discutir com os colegas e elaborar soluções.


Esse trabalho perpassa os campos de experiências que estruturam a organização curricular da educação infantil na BNCC favorecendo com que as crianças ampliem seus conhecimentos do mundo e possam utilizá-los em seu dia-dia.

Acho que ficaria muito interessante fazer a impressão do material em cores e apresentar os desafios em diferentes momentos, alternando-os com outras formas de proposição de problemas como, por exemplo, aquelas relacionadas aos jogos, brincadeiras e situações diárias.

Por último, gostaria de comentar que gosto muito de trabalhar com histórias ilustradas pois essa abordagem é bastante abrangente.

Há tempos passados apresentei as expressões numéricas em forma de histórias ilustradas que têm se mostrado uma estratégia muito atrativa para a exploração deste assunto! Tenho certeza de que os probleminhas ilustrados também cairão no gosto da turma!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *